"Estádio do jogo entre Brasil e Argentina preocupa por péssimas condições"

Estádio do jogo entre Brasil e Argentina preocupa por péssimas condições

A véspera da partida do Superclássico das Américas, estadio Ninho do Pássaro preocupa por descaso, elefante branco dos jogos de Pequim 2008 passa por reparos.

Estadio Ninho do Pássaro em Pequim China
Ninho do Pássaro em Pequim China elefante branco das Olimpiadas de 2008 passa por limpeza e reparos antes da partida entre Brasil e Argentina (foto: Estadão).

Estado da grama do Estádio Ninho do Pássaro em Pequim esta causando preocupações para a partida entre Brasil e Argentina nesse próximo dia 11 de outubro.

O superclássico das Américas que acontecera nesse sábado as 9h45 horário de Brasília esta passando por melhoras técnicas em seu gramado. Nesta segunda-feira, dezenas de funcionários foram chamados na tentativa de melhorar as condições do campo que esta bastante irregular, e completamente cheia de falhas.

O estádio que não recebe eventos deste as Olimpíadas de 2008, o estádio parou de receber visitas e transformou se em um grande elefante branco da capital chinesa.

O gramado que nem demarcações para partidas de futebol em seus traçados de grama, locais demarcados nas áreas  e laterais. Não há traves nem banco de reservas no estádio.

Com movimento intenso de funcionários e a limpeza sendo feitas tanto nas arquibancadas do estádio quanto na pista de atletismo, a preparação para o jogo vem sendo feita as pressas.

Já do lado de fora do estádio cartazes com David Luiz, Neymar  e Messi foram colocados para chamar o publico para o estádio.  Também foram montados stand com bonecos em tamanho real dos jogadores.

Para os organizadores do Superclássico das Américas veem uma grande oportunidade de promover o estádio novamente no mercado internacional e atrair novos eventos de peso.