"Nova Miss Brasil vitima de preconceito"

Nova Miss Brasil vitima de preconceito

Justiça investiga insultos raciais a nova Miss Brasil 2014, a Cearence Melissa Gurgel que está sendo vitima nas redes sociais por apresentar "sotaque cearense".

Miss Brasil 2014 Melissa Gurgel
A Miss 2014 Melissa Gurgel que recebe nas redes sociais insultos à respeito de seu sotaque vindo do Estado do Ceará (Foto: Concurso Miss Brasil).

Mais de cinco perfis das redes sociais do Facebook e Twitter foram fechados depois da denuncia feita a Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB- CE) por insultos racistas a cearense eleita Melissa Gurgel, a nova Miss Brasil de 2014.

As contas de fecharam em poucas horas que o presidente da OAB-CE, Ricardo Bacelar, pedisse a Justiça Federal que identificasse os autores dos insultos contra a modelo nordestina.

A mensagem contraria a Miss continham claras referencias raciais contra os habitantes da região do Ceará, uma das regiões mais pobres do país.

“Miss Ceará é bonita, mas quando abre a boca apenas sai esse sotaque horrível” como também “Lembrem-se de baixar o volume da TV o ano que vem quando ouvirem falar a Miss Ceará”, foram algumas das polemicas mensagens recebidas.

As mensagens foram recolhidas pela OAB-CE e serão apresentadas para a justiça que determina a punição aplicada aos devidos responsáveis. Lembrando que o racismo se encontra descrito no Código Penal brasileiro, com a pena dentre dois e cinco anos de prisão.

“Temos registradas as mensagens e será bem fácil de chegar às pessoas que fizeram os comentários raciais. O sotaque cearense faz parte da nossa cultura e identidade e não iremos aceitar de nenhuma forma de racismo” concluiu Bacelar.

Por parte da nova Miss Brasil, Melissa Gurgel tem preferido não se manifestar sobre a polemica, que recebeu além de sua belíssima coroa,  ganhou um carro  no valor de R$ 40,000,00 e disputará o concurso de Miss Universo para o próximo ano na Flórida nos Estados Unidos.